Latest Posts

Quando é o melhor momento para comprar um carro

Obter um bom negócio em um carro novo ou usado pode depender da época do ano em que você o compra. Certifique-se de manter um olho no calendário para que você possa aproveitar os fatores sazonais que afetam o comércio automóvel e aproveite o melhor mês para comprar um carro.

Melhor hora para comprar um carro novo

Escolher a melhor época do ano para comprar um carro pode potencialmente poupar milhares de libras, os descapotáveis ​​são mais desejáveis ​​no verão, então pode haver pechinchas a serem realizadas no inverno. No final de cada trimestre – particularmente o final de junho e dezembro – os negociantes podem estar interessados ​​em atingir seus objetivos de vendas trimestrais e mais propensos a lhe oferecer um bom negócio. https://www.facebook.com/carrosd0brasil/posts/2008705659359135

A demanda por veículos com tração nas quatro rodas geralmente atinge picos durante o outono e o inverno por causa do tempo mais pobre, então você pode obter um desconto maior no verão. Em fevereiro e agosto, muitos negociantes oferecem algumas pechinchas reais, enquanto as vendas são lentas enquanto os compradores aguardam as novas placas de números em março e setembro. Mas se você aproveitar esta calma, suas placas de número “antigo” fará com que seu carro pareça mais antigo do que realmente é, então ele se depreciará mais rápido.

Detran PE

Descubra quando novos modelos ou modelos “enfrentados” já estão disponíveis, então compre a versão anterior nas últimas semanas no showroom. Os negociantes terão vontade de mudar esse estoque e ter mais chances de lhe oferecer um bom negócio. Mas lembre-se de que um modelo antigo se depreciará mais rápido do que os recém-chegados, embora seja aproximadamente a mesma idade.

Os salões de exposição são mais silenciosos durante a semana, então, caia em uma sexta-feira – quando o negociante também estará interessado em encontrar seu alvo semanal. Isso lhe dá uma vantagem ao negociar com o vendedor.
Espere alguns meses após o lançamento antes de comprar um novo modelo – até então haverá menos zumbido no showroom para que o revendedor possa oferecer um melhor negócio.

Melhor momento para comprar um carro usado

As tendências sazonais nas vendas de carros novos têm um efeito decisivo sobre o custo dos carros usados. Evite comprar conversíveis usados ​​na primavera ou no verão – aguarde até o inverno, quando a demanda for muito menor.
Março e setembro são os meses de pico para as vendas de carros novos, muitas vezes através de ofertas de troca parcial. Assim, os revendedores terão muitos carros usados ​​para vender, o que o coloca em uma posição forte ao negociar.

Os negociantes também estão freqüentemente interessados ​​em limpar os carros usados ​​em julho e no início de agosto em prontidão para novos modelos e a mudança da placa de matrícula em 1 de setembro. Segundo o Detran Dezembro e janeiro são meses quentes para o comércio de carros usados. Os carros não estão nas mentes das pessoas em torno do Natal e do Ano Novo, de modo que os revendedores e os vendedores privados estão interessados ​​em fazer um acordo.

Compre veículos de quatro rodas motrizes no verão – demanda picos no final do outono e inverno por causa do clima mais pobre.

Documentos obrigatórios para serem levado no carro

Toda vez que você ficar atrás do volante de um veículo, você terá a obrigação de levar consigo certas documentações. A primeira coisa que você será solicitado pelo agente da Guarda Civil ou um advogado no caso de você parar ou estar envolvido em um incidente será a carteira de motorista ou a carta de condução, dependendo do veículo que você conduz.

Além da carteira de motorista ou da carta de condução, é obrigatório transportar no carro a licença de tráfego do veículo ou, se não, a autorização provisória emitida pela sede do trânsito, o cartão de inspeção do veículo com o último relatório de O ITV – no caso de ter que passar de acordo com a idade do veículo – e a etiqueta correspondente presa no pára-brisa.

Esqueça de sair da casa e pegue o carro sem levar esses documentos, mesmo que apenas para ir à compra, porque você nunca sabe quando pode encontrar um controle ou vê-lo envolvido em um acidente. E se você perder os papéis do carro, terá de ir à delegacia para apresentar uma queixa, seja por roubo ou perda, para evitar o uso fraudulento de um terceiro, e para marcar uma consulta na sede da DGT e na ITV para solicite as duplicatas.

Estas mesmas obrigações se aplicam igualmente a um veículo de aluguel. Verifique antes de deixar o estabelecimento da empresa de aluguel de automóveis que o veículo inclui a documentação obrigatória.

O que pode acontecer se não levar a documentação do carro?

A falta de trazer alguns desses documentos obrigatórios traz uma multa administrativa de 10 reais para cada um dos papéis do carro que você não pode mostrar ao agente. Talvez você tenha passado pela cabeça levar fotocópias para que os originais não estejam perdidos ou danificados. As fotocópias não são válidas! Se você não quer perder os papéis do carro, é permitido transportar fotocópias, mas somente se você viajar pela Espanha. No caso de viajar de carro no exterior, você precisará trazer a documentação original. Outra opção é laminar os documentos originais para que eles estejam melhor preservados.

E tenha muito cuidado em levar a licença ou licença de circulação sem renovar ou com um endereço que não coincida com o que aparece no Documento Nacional de Identidade (DNI). Se for seu caso, será cobrada uma multa de 80 reais.

Detran RN

Muito mais grave é dirigir um veículo para que você não esteja autorizado ou mostre uma carta de condução que Detran não seja válida no momento em que um agente de autoridade lhe perguntar, porque se você pensar nisso, você enfrenta um multa de 500 reais e perda de 4 pontos na carteira de motorista.

No caso de ter uma permissão estrangeira que deve ser trocada e dirigir o veículo sem a autorização administrativa válida em Espanha, possui uma multa de 200 reais. Se a carteira de motorista estrangeira não for válida em Espanha e não estiver sujeita a troca, implica uma multa de 500 reais.

Já não é obrigatório transportar com o recibo do seguro automóvel

A lei também exige que o proprietário de um veículo tire o seguro obrigatório. Desde 2008 e graças ao Arquivo de Informações do Veículo Segurado (FIVA), não é mais necessário transportar no carro a apólice de seguro e o recibo do último pagamento em vigor. Agora, o agente pode verificar se o veículo está segurado ou não via telemática “in situ”.

O mesmo acontece com o imposto de circulação, que cada proprietário de um veículo paga uma vez por ano de acordo com a cidade em que está registrado, uma vez que a polícia ou o agente da Guarda Civil também podem consultá-lo on-line.

Mesmo assim, não dói em levá-los no carro, caso haja falhas técnicas e o agente não pode se conectar. Mas já é algo voluntário e não obrigatório.

Como realizar o pagamento do IPTU BH

Combinado com um quadro institucional fortalecido, outros dois fatores colocaram o IPTU no debate atual sobre fontes de financiamento municipal no Brasil. A primeira foi a aceleração da valorização das terras urbanas em cidades grandes e médias. Esta apreciação foi causada principalmente pelo crescimento econômico, a explosão do crédito à habitação, baixa tributação e baixo risco em relação ao investimento em ativos financeiros de 2003 a 2007 (Carvalho Júnior 2010). A expansão do setor imobiliário expôs a discrepância entre o potencial de cobrança e o fluxo real de recursos no tesouraria público do imposto sobre a propriedade.

Um segundo fator que desencadeou a discussão sobre a atualização de avaliações fiscais para melhorar o desempenho do IPTU foi a crise econômica global que começou em 2008 e atingiu o Brasil em 2009. À medida que a atividade econômica diminuiu, refletindo menor consumo e produção e uma contração de crédito, transferências federais para os municípios também declinou. As cidades que enfrentam essa perda de receita tiveram pouca alternativa senão reviver o IPTU, o imposto local mais antigo e mais tradicional.

Neste contexto, algumas das grandes cidades brasileiras atualizaram seus mapas de valor de propriedade com estimativas de valor de terra revisadas, bem como as tabelas de custos de construção usadas para avaliar valores de propriedade, os quais foram extremamente subvalorizados. Belo Horizonte, São Paulo e Salvador estão entre as cidades que atuaram para fortalecer suas receitas atualizando a base de tributação do IPTU. Essas cidades também introduziram novas políticas para orientar a implementação do imposto sobre a propriedade.

Deve-se notar que manter a base de tributação do IPTU BH inalterada é um risco. Uma das principais fontes de injustiça fiscal, juntamente com o problema das omissões no registro de terras ou áreas de desenvolvimento, é o uso de avaliações desatualizadas ao impor o IPTU (Smolka e De Cesare 2009).

IPTU Belo Horizonte

Belo Horizonte é a capital e maior cidade do estado de Minas Gerais, localizada na região sudeste do Brasil. Com uma população de 2,4 milhões, é a quinta maior cidade brasileira e o centro de uma região metropolitana com uma população de aproximadamente 5 milhões.

O governo local tem uma longa história de inovação e boa governança. Foi pioneiro na introdução do processo de orçamento participativo em 1993, na adoção de aplicativos SIG para melhorar a gestão da cidade e na realização de uma campanha bem sucedida para erradicar a fome, entre outras iniciativas notáveis. Belo Horizonte coletou aproximadamente US $ 332 no imposto sobre a propriedade per capita por ano em 2007, antes da reforma, sendo o sétimo entre as grandes capitais do Brasil (Afonso et al., 2010).

IPTU BH 2018

A reforma tributária da propriedade começou em Belo Horizonte com uma revisão da base tributária e foi orientada pelo duplo desejo de eliminar as distorções criadas pelo seu modelo antigo e introduzir uma nova cultura fiscal que apoiaria um processo permanente de atualização da avaliação da propriedade para refletir o mercado variações. https://www.facebook.com/empregos.brasiil/posts/1395684590546689

Ao elaborar uma estratégia para a reforma tributária, o governo da cidade percebeu que a mudança não poderia ser apresentada simplesmente como uma revisão da avaliação de imóveis impulsionada pela necessidade de aumentar as receitas. Também teve que envolver outros aspectos, como medidas para mitigar o impacto do aumento de impostos e incentivar o cumprimento dos contribuintes. Smolka e De Cesare (2009) observam que, apesar da precisão das estimativas de avaliação, se a reavaliação gerar grandes diferenças na quantidade de impostos devidos, haverá uma reação dos contribuintes que estão substancialmente sobrecarregados. Neste caso, devem ser oferecidos planos que aliviem esses impactos.

Como é feito o cadastro IPTU

De um completo de 57.087 boletos do Imposto Predial e Territorial Citadino (IPTU) lançados no treino de 2017, até a tarde desta segunda-feira (15), exatos 5.036 também não haviam sido retirados na Municipalidade. A grande maior parte refere-se a terrenos sem edificações, que já acumulam 3 parcelas vencidas – caso os proprietários optem pelo pagamento em dez vezes.

Mais 1.992 boletos foram devolvidos pelos Correios, depois de tentativas de entrega frustradas por complicações vários (tanto de imóveis com construções, quanto de terrenos vazios). A diretora de Armazém e Controle, Gislaine Alves Vieira, aborda que vários boletos não chegaram aos destinatários visto que os endereços residenciais estão desatualizados.

Por esse razão, a Secretaria Municipal da Bens solicita o aparecimento dos proprietários de terrenos para a normalização do arquivo e afastamento dos boletos, para o pagamento do IPTU. Quem optar pelo pagamento em 10 parcelas já possui 3 atrasadas, que precisam ser quitadas. As que também não venceram são capazes de ser pagas geralmente, sem acréscimos.

Cadastro IPTU

Os indivíduos que encontrarem aberturas na arrecadação do IPTU BH 2017, são capazes de se acumular ao setor de arquivo da Secretaria Municipal de Urbanismo e Aposento (Semurh), situado na Matriz da Semfaz – 4° achar-se do bloco acessório, para pedir investigação e alteração dos dados referentes ao seu bem de raiz para assento revisão no sistema. Para aqueles que optarem pela altivez do imposto, a mesma está disponível por todo o ano atual.

O indivíduo, amo ou detentor de um único bem de raiz, de consumo especialmente residencial, de valor corrupto até R$ 53.500, apurado na data do emissão do imposto, possui direito a pedir a altivez do IPTU. Para pedir, o inclusive precisa abrir processamento na área de auto desta.

IPTU BH

Os carnês do IPTU de Venâncio Aires começam a ser entregues pelos Correios na próxima quarta-feira, 22. Há duas opções de pagamentos: armadura única, que vence no dia 10 de março e possibilita até 15% de abate, além do entulho de um automóvel e duas motos bagatela km, e dividido.

As indivíduos que não receberem o carnê em casa ou achar-se em local não acatado pelos Correios, deverão remover o arquivo a começar por segunda-feira, 6 de março, na Agência, localizada na Rua Tiradentes. Os habitantes do interior que contem carnês, poderão acudir-se os mesmos nos postos avançados das suas comunidades.

Todos os anos o valor do IPTU BH padece um reajuste por causa de ao crescimento da alíquota da aumento excessivo. Neste ano o valor foi de 7,19% reajustado de acordo com o Índice Maior parte de Preços de Mercados (IGPM). Até o hora por volta de 630 cadastros já efetuaram o pagamento em armadura única e garantiram as benefícios de até 15% e de concorrer aos prêmios. O Entulho da campanha IPTU Premiado 2017 acontecerá no dia 11 de maio dentro das programações de aniversário de 126 anos de Venâncio Aires. O boleto da armadura única pode ser afastado pela Internet, no site da municipalidade ou também no auto do bloco essencial da Meneio.

Pagamento

Habitantes da região precisam ficar atentos às datas de pagamento do Imposto Predial e Territorial Citadino (IPTU) deste ano. A escolha de abandonar o imposto em armadura única com 8% de abate encerra nesta sexta-feira. A data é a mesma para o pagamento da primeira bocado para aqueles que decidirem pagar em seis vezes o imposto, desta vez sem abate. https://www.facebook.com/empregos.brasiil/posts/1395684590546689

Em Maratá, teve início a abastecimento dos carnês. O pagamento à ideia com 10% de abate precisa ser realizado até o dia 8 de abril. A cobertura similarmente pode ser ensejo em 3 parcelas. Já em Brochier, a abastecimento começa somente no próximo mês, com a armadura única com abate de 10% devendo ser agradecimento até o dia 15 de junho. Similarmente haverá a escolha de parcelamento em até seis vezes.

Saiba quem pode participar do Bolsa Família

Criado pelo governo, o bolsa família é um programa de transferência direta para atender as famílias que se encontram em situação de extrema pobreza em todo País, sua criação foi com intuito de superar a situação de vulnerabilidade e pobreza . Em todo o Brasil, mais de 13,9 milhões de famílias são atendidas pelo bolsa família, programa busca garantir a essas famílias o direito à alimentação e o acesso à educação e à saúde.

O Bolsa Família foi criado com o principal objetivo de combater a fome e promover a segurança alimentar e nutricional, combater a pobreza e outras formas de privação das famílias além de promover o acesso à rede de serviços públicos, em especial, saúde, educação, segurança alimentar e assistência social.

Abaixo você verá informações a respeito do Bolsa Família, por isso você que ainda não é cadastrado no programa social e que se cadastrar leia atentamente as informações a seguir.

Quem pode participar do Bolsa Família?

Somente pode participar do bolsa família, as famílias pobres que têm uma renda mensal de até R$ 77,00 por pessoa e as famílias pobres são aquelas que têm renda mensal entre R$ 77,01 e R$ 154,00 por pessoa, essas participam do programa, desde que tenham gestantes e crianças ou adolescentes entre 0 e 17 anos.

calendário do bolsa família

 

É necessário que a família esteja inscrita no cadastro único para programas sociais do governo federal, com seus dados atualizados para se cadastrar no programa Bolsa família. Caso a sua família se encaixe em uma das faixas de renda definidas pelo programa, você deve procurar o setor responsável pelo Bolsa Família na Prefeitura de seu município, de posse dos seguintes documentos:

  • Para o Responsável Familiar: CPF ou título de eleitor;
  • Para os demais membros da família: qualquer documento de identificação, como a carteira de identidade, CPF, título de eleitor, certidão de casamento ou nascimento, carteira de trabalho.

O cadastramento é um pré-requisito, mas não implica na entrada imediata das famílias no programa, nem no recebimento do benefício. Mensalmente, o ministério do desenvolvimento social e combate à fome seleciona, de forma automática, as famílias que serão incluídas para receber o benefício.

Benefícios Bolsa Família

Para saber se você foi incluído no programa bolsa família, consulte o responsável pelo programa programa na prefeitura de sua cidade ou consulte a lista de famílias beneficiárias. O programa conta com vários tipos de benefícios para enquadrar cada família a seu regulamento alguns deles citados abaixo:

  • Benefício Básico: concedido às famílias em situação de extrema pobreza (com renda mensal de até R$77,00 por pessoa). O auxílio é de R$ 77,00 mensais;
  • Benefício Variável: para famílias pobres e extremamente pobres, que tenham em sua composição gestantes, nutrizes (mães que amamentam), crianças e adolescentes de 0 a 16 anos incompletos. O valor de cada benefício é de R$ 35,00 e cada família pode acumular até 5 benefícios por mês, chegando a R$ 175,00;
  • Benefício Variável Jovem: Destinado às famílias que se encontrem em situação de pobreza ou extrema pobreza e que tenham em sua composição adolescentes entre 16 e 17 anos. O valor do benefício é de R$ 42,00 por mês e cada família pode acumular até dois benefícios, ou seja, R$ 84,00.
  • Benefício para Superação da Extrema Pobreza: Destinado às famílias que se encontrem em situação de extrema pobreza. Cada família pode receber um benefício por mês. O valor do benefício varia em razão do cálculo realizado a partir da renda por pessoa da família e do benefício já recebido no programa bolsa família.

Se a sua família estiver entre as selecionadas você passa a contar com a ajuda do programa, o valor será de acordo com o tipo de benefício para o perfil de cada uma das famílias, você deve ficar antenado em qual perfil a sua família se encaixa para não haver duvidas na hora do recebimento.

calendário do bolsa família

É de extrema importância acompanhar o calendário do pagamento do seu beneficio o dia é definido a partir do último número do seu NIS, somente a partir desse dia é que você poderá sacar o seu benefício, antes disso ele não estará disponível. Observe no seu cartão o número e confira no calendário o dia que você irá receber em cada mês. Exemplo: Se o seu NIS termina em 4, no mês de janeiro você recebeu no dia 22/01, no mês de fevereiro foi no dia 19/02.

Já é possível acompanhar o pagamento do Bolsa Família pelo celular, que disponibilizam para todos os smartphones o aplicativo para ser baixado, além de ser rápido e prático oferece muitas vantagens para atender melhor o cidadão.

Saiba como Fazer a Declaração de Imposto de Renda 2018

O Imposto de Renda é um tributo obrigatório para toda as pessoas que recebeu uma quantia no ano base de R$ 28.559,70. Sendo assim, é um assunto muito importante para as pessoas físicas como tanto para as jurídicas, pois caso não a realize dentro do prazo estará sujeito a multas.

Muitas pessoas não sabem, mais o dinheiro arrecadado do imposto de renda uma parte é utilizada pelo governo federal e outra retorna aos estados e municípios de origem. O dinheiro é arrecadado pela Receita Federal e transferido para o Tesouro Nacional, que administra a aplicação do dinheiro e investido em programa sociais como o Fome Zero e o Bolsa Família, educação e em projetos de saúde.

Abaixo você verá informações referente ao imposto de renda 2018, sabendo a respeito do que é e de como fazer a sua declaração com exito e com segurança. É importante ler todas as informações com atenção, pois um erro poderá afetar toda a sua declaração.

Declaração de Imposto de Renda

A Declaração do Imposto de Renda 2018 é um documento no qual irá constar todos os ganhos, rendimentos, dividas e gastos que o contribuinte recebeu durante o ano base. Para realizar a declaração é preciso que você esteja enquadrado em algum desses requisitos a seguir, caso não esteja fique tranquilo, pois não vai precisar fazer a declaração. Veja:

declaração imposto de renda

  • As pessoas físicas residentes no Brasil que receberam rendimentos tributáveis superiores a R$ 28.559,70 ano ano base;
  • Os contribuintes que receberam rendimentos isentos, não-tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma tenha sido superior a R$ 40 mil no ano passado;
  • Quem obteve ganho de capital na alienação de bens ou direitos, sujeito à incidência do imposto, ou realizou operações em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas;
  • Quem tiver a posse ou a propriedade de bens ou direitos, inclusive terra nua, de valor total superior a R$ 300 mil, também deve declarar IR neste ano;
  • Contribuintes que passaram à condição de residente no Brasil, em qualquer mês do ano passado;
  • Quem optou pela isenção do imposto sobre a renda incidente sobre o ganho de capital auferido na venda de imóveis residenciais, cujo produto da venda seja destinado à aplicação na aquisição de imóveis residenciais localizados no país;
  • Quem teve, no ano passado, receita bruta em valor superior aos R$ 142.798,50 oriunda de atividade rural.
    Caso você se enquadre em algum desses requisitos acima veja quando abre o processo de declaração e realize a sua dentro do prazo.

Saiba que é de suma importância e vai evitar futuros problemas. A partir do momento em que você não declara o seu nome fica com pendências e uma série de problemas pode decorrer disso.

Como Fazer a Declaração de Imposto de Renda

Muitas pessoas pagam a profissionais da areá para fazer a declaração para o IRPF. Mas saiba que para realizar a Declaração do Imposto de Renda 2018 é bastante simples veja o que é preciso e a realize sem maiores problemas. Siga o passo a passo a seguir e veja como fazer.

  • Primeiramente acesse a página de Download do Programa IRPF;
  • Faça o download no seu computador ou no seu dispositivo móvel;
  • Instale o aplicativo e realizar a declaração do seu Imposto de Renda de Pessoa física.

Após realizar esse procedimento é preciso que antes de começar a declaração você separe toda a documentação necessária, sendo assim separa os documentos de pagamentos de despesas medicas, documento de compra de imóvel ou veiculo entre outros diversos que poderá ser declarado.

declaração imposto de renda

Caso você já tenha feito alguma declaração por meio do mesmo computador você poderá clicar na opção “Importar dados” e alterar só algumas coisas.

Se é a sua primeira vez você terá que preencher os dados de algumas informações necessárias, tais como:

  • Dependentes;
  • Alimentandos;
  • Rendimentos;
  • Pagamentos efetuados;
  • Doações efetuadas;
  • Bens e direitos;
  • Renda.

O programa Imposto de Renda 2018 estar disponível gratuitamente para download no site oficial da Receita Federal. Depois de finalizar, confirme os dados para que não hajam erros.

Caso tenha alguma dúvida referente ao que foi tratado acima deixe o seu recado para que possamos te responder o mais rápido possível.

Veja como realizar sua inscrição vestibular UERJ

Com o encerramento das aulas do ensino médio, alguns estudantes escolhem da inicio a sua vida profissional com o diploma que receberam da academia. Ter o canudo do treino médio pode auxiliar o acadêmico a conseguir um emprego, porém frequentemente são empregos temporários e ele de modo algum sabe o dia no qual será degradado.

É por após dessa confusão que vários estudantes escolhem permitir continuidade aos estudos, apenas que agora, em uma escola de nível superior, a fim de se profissionalizar em uma determinada setor, os estudantes procuram as universidades para desenvolver uma ala sólida e bem remunerada.

Na procura pela vaga em uma instituição, os alunos começam a buscar as formas oferecidas pelas universidades, com intenção de se afiliar. Nesse artigo iremos orientar vocês como funciona a prova de um dos vestibulares mais concorridos do estado. Confira!

Vestibular UERJ

O vestibular UERJ 2018 é o essencial meio de inscrever-se na universidade, e funciona como o processamento de seleção para os novos estudantes. Visando um tanto mais o acadêmico da academia pública, o vestibular por não ser apontado um concurso público pode ser realizado similarmente por aqueles que contem antecedentes criminais.

O primeiro ciclo do vestibular de idade da Faculdade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), similarmente tragada de Exame de Apreciação, acontece no dia 17 de junho. Para abalroar uma das 5.316 vagas, é fundamental que o vestibulando entenda como funciona o processamento inflexível e saiba no que é necessário focalizar os pesquisas a pouco mais de um mês do exame.

Vestibular UERJ

Para avaliar o candidato, 3 áreas de conteúdo são abordadas em 60 questões com quatro opção: Linguagens, Códigos e suas Tecnologias (português e dialeto estrangeira), Ciências da Classe (biologia, química e física), Matemática e suas Tecnologias, e Ciências Humanas e suas Tecnologias (história e geografia). “O que desejaremos entender é se o nosso candidato possui agilidade e competências mínimas para andar o ensino superior”, afirma Maria Inez Mello Guimarães, assessora da direção do Seção de Seleção Acadêmica da faculdade.
Para o acadêmico que quiser uma nova aberta, é possível corporificar a segunda difusão da prova, no dia 16 de setembro, e ficar com a nota mais alta.

São várias opções Vestibular UERJ Cursos 2018, entre as quais destacam-se: Farmácia, Psicologia, Alimentação, Medicina, Matemática, Caracteres, Serviço Civil, Geografia, Engenharia Química, Cadastro, Estamparia Industrial, Meneio, Ciências da Computação, Ciências Contábeis, Enfermagem, Pedagogia Física, Direito, Jornalismo, História da Arte, entre outros. Para examinar a listagem completa de cursos, clique aqui.

Na última difusão do exordial, os cursos mais concorridos foram Medicina (92,84 por vaga), Jornalismo (33,22 por vaga), Relações Internacionais (32,88 por vaga), Estamparia Industrial (21,40 por vaga), Psicologia (20,89 por vaga) e Engenharia Mecânica (19,09 por vaga).

Como se inscrever no vestibular UERJ

A Faculdade Estadual do Rio de Janeiro está com inscrições abertas para o seu vestibular, a UERJ se destaca como uma das universidades mais prestigiadas do estado do Rio de Janeiro. Todos os anos, a faculdade aplica o seu exordial para encher novas turmas de alunos. A escola abrange sete municípios e possui mais de 28 mil estudantes matriculados nos dias de hoje.

A instituição recebeu solicitações para altivez na alíquota de adesão. Os candidatos interessados tiveram que preencher um abaixo-assinado no site oficial ou no laboratório de informática da faculdade. Similarmente foi necessário atestar a requisito de angústia socioeconômica.

As inscrições para o Vestibular UERJ 2018 estarão abertas em breve pois irão ser divulgadas através do calendário, os indivíduos que querem associar do processamento inflexível precisam acessar o site www.exordial.uerj.br e fazer uma conta gratuitamente. Após abarrotar o formulário com todas as informações solicitadas (dados pessoais e de contato), basta aplicar o boleto com a alíquota de adesão no valor de R$ 60,00 e acontecer o pagamento. https://www.facebook.com/comosedarbemenem/posts/876416825843991

Conclusão

Realizar o vestibular 2018 UERJ para concorrer a uma das vagas nas universidades constantemente é uma ótima escolha, uma vez dentro de uma faculdade, o aluno passara pela experiência profissional que vai provocar por toda a vida. Não há desvantagens no momento em que o aluno opta em inscrever-se em uma faculdade, permitir continuidade ao conhecimento de modo algum foi uma má ideia.

IPVA São Paulo – Veja como fazer a consulta!

Todos os motoristas que moram na grande São Paulo e possui qualquer veículo automotor de vias terrestre têm conhecimento de seus deveres como condutor, e um deles é pagar o imposto para o seu automóvel estar circulando legalmente pelas vias da sua cidade.

O Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores, mais conhecido pela sigla IPVA SP, integra um destes tributos que devem ser pagos. A falta ou adiamento na quitação do valor devido, certamente resultará na aplicação de multas ou em situações mais graves, na retenção do veículo devedor.

Produzimos o texto a seguir com o objetivo de auxiliar os indivíduos paulistas que possuem dúvidas sobre de como aconselhar-se a situação do seu veículo ou sobre como pagar o IPVA São Paulo. Então, continue analisando o conteúdo abaixo para não deixar nenhuma informação fundamental passar em branco.

IPVA São Paulo o que é

O IPVA é um imposto originado pelo Governo Federal com o objetivo de moderar e controlar o número de novos e antigos veículos que estão circulando pelas vias e estradas do Brasil. Ele incide sobre todo automóvel que circulam pelas vias terrestres e o seu pagamento é básico.

IPVA SP

O valor exigido pelo imposto depende do governo de cada estado e o dinheiro vai de modo direto para os seus devidos cofres públicos. Deste jeito o a administração conseguirá usar o dinheiro para injetar em melhorias em todas as áreas do trânsito da região.

Por conta do estado de São Paulo ter um maior algarismo de veículos circulando todos os dias, acaba que o seu IPVA seja um tanto mais caro que os demais. Por causa disso, é primordial estar verificando a situação do seu automóvel para o pagamento dos seus impostos.

IPVA São Paulo consulta de veículo

Um dos procedimentos fundamentais para os motoristas que zelam pela normalização em dias do seu veículo é a consulta IPVA SP do seu carro. Ela é realizada pela internet, o que traz muito aconchego e agilidade para os indivíduos, basta que tenha os documentos do veículo em mãos.

IPVA SP

Acesse também: https://www.facebook.com/carrosd0brasil/posts/2008865292676505.

Primeiramente você deverá acessar a palco na internet da Secretaria do Estado de Bens de São Paulo (https://www.ipva.fazenda.sp.gov.br/IPVANET_Consulta/Consulta.aspx) e abarrotar os campos em branco com os dados solicitados.

Caso você tenha reparado qualquer irregularidade ou débito no seu veículo depois da consulta, você deverá se cogitar para concluir o pagamento. E se você não sabe como realizar esse técnica, basta acompanhar o argumento abaixo no qual ensinaremos como pagar IPVA SP.

IPVA São Paulo pagamento

Realizar o pagamento do Imposto sobre Propriedade de Veículo Automotores é uma missão primordial e obrigatória para todos os motoristas brasileiros, e no estado de São Paulo não seria diferente. É um técnica bastante simples de ser executada, no entanto é fundamental ficar ligado ao calendário de pagamento atual.

Há duas formas para estar quitando a dívida, em cota única ou parcelada e os indivíduos que optarem em pagar o à vista dentro do tempo poderão apreciar de um abate de 3% no valor completo. Não deixe de pagar o seu IPVA, é bastante fundamental!

Conclusão

O Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores de São Paulo, conhecido popularmente por IPVA SP, é um imposto no qual o pagamento é básico. Não deixe de estar constantemente consultando a situação de seu veículo com as dicas antiga acima.

E aí, ficou com qualquer confusão também relacionada ao assunto abordado acima? Se a resposta for sim, deixe o seu anotação logo abaixo e aguarde a nossa resposta. Bem-agradecido!

IPVA SP – Consulta e pagamento!

Os cidadãos do estado de São Paulo que possuem veículo automotor certamente sabem dos impostos que devem ser pagos para estar transitando legalmente pela ruas de onde moram, e o mais conhecido deles é o Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA SP).

Portanto, se você tem carro ou moto e ainda não pagou o seu IPVA, fique atento! O atraso ou a falta de pagamento do imposto poderá resultar na aplicação de multas ou até mesmo no recolhimento do veículo. E para evitar este tipo de situação, basta consultar a tabela atualizada que é divulgada anualmente.

O conteúdo a seguir foi elaborado para ajudar especialmente para ajudar os motoristas de São Paulo que ainda tem dúvidas a respeito de como consultar a tabela ou sobre como pagar o seu IPVA. Portanto, se você se interessou, continue acompanhando o texto abaixo para tirar as suas dúvidas.

O que é IPVA SP

O IPVA SP é o imposto que incide sobre todo veículo que esteja circulando pelas vias e rodovias do estado da grande São Paulo. A cobrança deste tributo é feita em todos os estados do Brasil, porém os valores podem variar em cada um deles.

IPVA SP

E para ajudar a controlar a frota de veículos do estado, todos os anos é divulgada a Tabela IPVA SP. Nela contém as datas de pagamento o imposto de cada veículo emplacado em São Paulo, e a data exata para quitar a dívida é consultada através do final da sua placa.

O dinheiro arrecadado pela cobrança do IPVA vai diretamente para os cofres públicos do Governo, para que assim, possa ser investido em melhorias em todos os recursos do trânsito do estado. E se você ainda não sabe consultar a o seu imposto, basta acompanhar o tópico abaixo.

Como consultar o IPVA SP

Realizar a consulta do IPVA São Paulo é um procedimento importante e simples de ser feito. Basta acessar o site da Secretaria de Fazendo do estado (www.fazenda.sp.gov.br), informar os dados solicitados (RENAVAM e CPF/CNPJ do titular) e cilicar em Consultar.

Caso você esteja com o pagamento do IPVA SP pendente, será preciso se dirigir à alguma agência do Banco do Brasil, Bradesco, Itaú ou até mesmo casas lotéricas. O pagamento pode ser feito também pela internet para maior facilidade e comodidade dos motoristas.

Pagamento IPVA SP

Depois de ter realizado a consulta do seu imposto e notado algum débito pendente, será necessário realizar o pagamento IPVA SP. E se você não sabe como realizar este procedimento da maneira correta, basta seguir as dicas passadas neste tópico.

Antes de quitar a dívida, primeiro será preciso calcular o valor a ser pago, cálculo feito de acordo com a tabela FIBE. Nesta tabela consta os valores dos veículos com o decorrer do seu ano de fabricação e o ano que circula, sendo que estes valores são atualizados com o passar dos anos.

IPVA SP

Acesse também: https://twitter.com/Correia_Rafael2/status/892769216339881985.

Quem efetuar o pagamento do IPVA São Paulo dentro do prazo correto poderá desfrutar o desconto de 3% na taxa total. Também será possível pagar parceladamente, porém não será possível ter o desconto na alíquota.

Mais informações podem ser consultadas no site do Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo ou na plataforma online da Secretaria de Fazenda do mesmo.

Conclusão

Agora que você conferiu estas valiosas informações a respeito do Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores do estado de São Paulo, ficará muito mais fácil realizar a consulta e o pagamento do mesmo. Se possuir mais alguma dúvida, deixe o seu comentário logo abaixo.

Saiba como funciona o Prouni

O Programa Universidade para Todos “Prouni” é um programa do Governo Federal juntamente com o ministério da educação. Criado em 2004 o Prouni tem um principal objetivo de promover a educação a todos os estudantes que tem interesse em obter um diploma dentro de uma instituição de ensino superior.

O programa oferece bolsas de estudo integrais e parciais para todos os estudantes que fizeram a ultima edição do Exame Nacional do Ensino Médio e obtiveram uma pontuação agradável para passar em um dos cursos oferecidos, para isso veja a nota de corte especifica do curso que você tem interesse em realizar.

Abaixo você poderá ter conhecimento de todas as informações referente ao Programa. Por isso se você tem realmente interesse em fazer uma faculdade com 50% ou 100% de desconto leia atentamente os topicos a seguir.

Como funciona o Prouni

O processo seletivo do Prouni é composto por duas fases:


Processo regular – Neste processo poderá se inscrever todos aqueles candidatos que tenham realizado no anterior o Exame Nacional do Ensino Médio “ENEM” e que tenha obtido no mínimo 450 pontos na média em nota geral das provas e não ter zerado a redação.


Processo Remanescentes – Já nesse processo poderá realizar as inscrições os candidatos que tenham efetuados a inscrição porém não fora chamado na primeira turma, desta forma, terá uma nova formação de turma no processo seletivo do Prouni referente ao segundo semestre.


Neste caso também será preciso que o candidato tenha participado do Enem, a partir da edição de 2010, e que tenha obtido, em uma mesma edição do referido exame, média das notas nas provas igual ou superior a 450 pontos e nota superior a zero na redação, correspondendo a aproximadamente metade dos acertos em cada prova.

Em ambos os processos as inscrições são gratuitas e efetuadas exclusivamente pela internet, por meio da página do Prouni.

Regras para participar do Prouni

Para se inscrever no Programa Universidade para Todos é preciso que o estudante tenha concluído o ensino médio e realizar a prova do ENEM. Feito isso, caso você queira estudar com bolsa integral você terá que apresentar uma renda familiar bruta mensal, por pessoa, de até um salário mínimo e meio.

Prouni-2018

Caso você queira uma bolsa parcial, terá que comprovar uma renda familiar bruta mensal, por pessoa, de até três salários mínimos.

Poderão se inscrever no Prouni 2018:

  • Professores da Rede Pública de Ensino;
  • Alunos de escolas públicas ou bolsistas em escola privada;
  • Pessoa portadora de alguma deficiência.

Confira por meio do site do programa todos os requisitos necessários para realizar a inscrição no Prouni.

Resultado Prouni 2018

O resultado do Prouni poderá ser verificado por meio do sistema de inscrição do Prouni. Para saber como obter o seu resultado Prouni 2018 individual, confira atentamente o passo a passo a seguir:

Prouni-2018

  • Acesse o site do PROUNI;
  • Clique na opção “Ver Resultado” no menu principal;
  • Insira o número da sua inscrição e senha utilizada na pagina do participante do ENEM;
  • Clique em “Entrar no Prouni”.

Por meio desse passo a passo você terá acesso ao resultado. Após saber essas informações não deixe de realizar a sua inscrição no Prouni assim que for aberta. Caso tenha alguma dúvida a respeito do que foi tratado acima deixe o seu comentário para que possamos esclarece-la o mais rápido possível. Boa Sorte.